Fotografou? Fez um vídeo? Mande para o WhatsApp do
DIÁRIODONOROESTE: (22) 99811-5345

O Conselho Municipal de Assistência Social de Itaperuna realizou, na última sexta-feira (09), a 5° Audiência Pública, realizada anualmente no município, onde são discutidos assuntos de interesse da Assistência Social.
Todas as instituições que fazem parte da rede socioassistencial do município, inscritas ou não no conselho, estiveram presentes e apresentaram uma a uma o seu papel na sociedade, mostrando o que cada uma faz em benefício da população. Durante o evento, foi solicitado a cada instituição que não está regularizada para que se regularizem. A equipe da Secretaria Municipal de Controle também esteve presente e orientou a cada instituição, para que ela esteja apta a concorrer aos chamamentos públicos do termo de parceria da Secretaria de Assistência. A Procuradoria Municipal também participou e tirou todas as dúvidas das instituições.
A audiência pública foi muito esclarecedora e importante para o município, para que a rede socioassistencial em Itaperuna beneficie ainda mais usuários. “O objetivo da Prefeitura, da Secretaria de Assistência, é que toda rede trabalhe alinhada, em conjunto, para que, assim, possamos alcançar o maior número de usuários que necessitam de toda assistência seja ela qual for”, disse a secretária, Camila Andrade Pires.

Participaram do encontro o presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, conselheiro Reginaldo Braz de Carvalho, o coordenador da Comissão da Audiência, conselheiro e vice-presidente, Vítor de Melo Pavão e a secretária municipal de Assistência Social, conselheira Camila Andrade Pires, além de doze entidades inscritas no CMAS e mais quatro entidades em processo de inscrição e técnicos dos equipamentos e usuários da Secretaria Municipal de Assistência Social.
Na oportunidade, por iniciativa do secretário executivo do Conselho, Ely Santana, com a aprovação unânime dos conselheiros e conselheiras presentes, foi oferecida uma Moção de Aplausos a assistente social do Hospital São José do Avaí, Juliana Silva Cescone, que vem realizando um excelente trabalho no setor de Hemodiálise.