Recife – Alunos da Escola Municipal Abílio Gomes, na capital pernambucana, usam livros didáticos que podem ser proibidos pela Câmara de Vereadores (Sumaia Vilela / Agência Brasil)

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico e Emprego e Relações Internacionais fechou uma parceria com o Instituto PROA e vai oferecer uma capacitação para jovens entre 17 e 22 anos. Serão 2.800 vagas para aulas gratuitas e virtuais de autoconhecimento, planejamento de carreira, projeto de vida, raciocínio lógico, comunicação e trilha técnica de dados ou trilha técnica de varejo.

Alunos que estão cursando ou concluíram o Ensino Médio em escolas públicas e que buscam seu primeiro emprego, poderão se inscrever no site https://plataforma.proa.org.br/ até 17 de setembro. A previsão de início das aulas é dia 20 de setembro. São 150 horas de capacitação.

– Sabemos que a falta de experiência dificulta os jovens a encontrarem o primeiro emprego. Números do IBGE mostram que a faixa etária com maior percentual de desocupados é a de 14 a 17 anos e 18 a 24 anos. Por isso é um orgulho unir Governo do Estado e o Instituto PROA para promover a inclusão produtiva do jovem fluminense no primeiro emprego – afirma o governador Cláudio Castro.

Ao final do curso, os alunos receberão certificado de conclusão emitido pelo PROA e serão encaminhados para processos seletivos de primeiro emprego.

– A presença de profissionais qualificados é fundamental para atrair empresas e investimentos. Quanto maior a capacitação, maior a produtividade e a competitividade do Estado – explica o secretário de Desenvolvimento Econômico, Vinícius Farah.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here